Lavanda

Se eu tivesse que escolher uma flor que representasse o blog, esta seria lavanda, e nem preciso explicar muito, né?! Tem a nossa cara, é romântica, charmosinha, provençal e combina com o tipo de decoração que adoramos colocar aqui para vocês. Não posso deixar de falar que ela foi e é ainda minha inspiração para muitas matérias…
Sendo elas orgânicas, podem ser usadas também para decorar um prato ou usar nele mesmo. Vejam algumas fotos e em seguida vou passar uma receitinha criada por mim há uns 4 anos atrás, quando escolhi para apresentar a minha banca final da faculdade montando uma “Degustação” com diversos mini doces e entre eles o Crème brûlée de Lavanda (tirei 10!).


A lavanda é cultivada na França, região de Provence (Provence = provençal. Decoração característica da região)


Flor muito usada em casamentos diurnos


Utilizam a lavanda também no lugar no arroz para jogar nos noivos, vocês sabiam? Descobri isto agora e adorei a ideia


Em drinks


Fiz igual no bolo de limão no meu aniversário… Apenas uma flor em cima do torta/bolo = charme puro


Guirlanda para o ano todo


No champagne – Amo!


Açúcar aromatizado


Na cozinha


Varanda


Na sala

Em Floripa, vocês encontrarão vários itens de decoração com lavanda bem fofos em 2 lojas que eu adoro e que sempre falo aqui no blog:


Meise


Perfeito Mimo

Ter vasos em casa com a flor natural – também conhecida como alfazema – é uma ótima ideia. Ela traz vida e perfume fresco, além de cor! Na Macarronada temos várias mudas, já repararam?? Elas duram bastante tempo, em especial na primavera, e resistiram firmes e fortes neste inverno.
Minha dica de compra é na Primavera Garden.

Receita de Crème brûlée de Lavanda:

Ingredientes:
para 2 mini porções 

40 ml de leite integral
55 g de creme de leite fresco (de garrafinha)
1 gema de ovo
1 colher (sopa) de açúcar
folhas de lavanda à gosto (quanto mais, mais forte. Indico uma média de 5 folhas)
2  flores de lavanda (decoração)
açúcar para caramelizar

Modo de preparo:

Aqueça o leite, o creme de leite e as folhas de lavanda em uma panela, sem deixar ferver; deixe as folhas em infusão por 30 minutos. Reaqueça e peneire as folhas. À parte, misture a gema e o açúcar até formar uma massa esbranquiçada, acrescente um pouco do leite quente à massa e misture aos poucos para não cozinhar o ovo. Passe esta mistura de volta para o recipiente com  leite ou despeje o leite restante aqui. Coloque na forminha refrataria adequada e assar em banho-maria à 180Cº por 30 minutos;
Leve para descanso em geladeira por algumas horas (6 horoas min., ideal). No momento de servir, peneire o açúcar por sobre o creme e utilize o maçarico para queimá-lo. Decore com 1 flor de lavanda e sirva na hora.

Dream kitchen du jour

Aqui está mais uma das cozinhas da minha lista dos sonhos… Vendo esta foto, não tenho mais dúvida de que a combinação azul-rosa é uma das mais diferentes e ainda sim nada cansativa! Concordam comigo?

Preparação para o verão

Setembro chegando e o ponto incial da agenda: retomada dos exercícios físicos e preparação para o verão!
Quem sempre deixa para pensar nisso somente em dezembro e acaba tendo que deixar a corpo sarado para o ano seguinte, agora já pode se programar com antecedência e, acima de tudo, não desanimar e nunca achar que é tarde demais. Todos sabem que não é saudável deixar de praticar durante o ano e correr atrás do prejuízo no segundo semestre, mas como isto ainda é o caso da maioria e, também no meu caso, aqueles quilinhos a mais que ganhamos no inverno, aqui está uma ajudinha!
Eu e a equipe da F.Scherer Fitness preparamos as perguntas mais comuns nas academias e esperamos que possa ajudar vocês. Qualquer dúvida e sugestão basta comentar aqui que os professores poderão responder vocês através do e-mail.
Confiram:

1. “Estou voltando à academia depois de ficar +-6 meses parada depois do verão. Todo o condicionamento que eu tinha até março (malhei bastante para o verão passado) foi por água abaixo? Perdi massa magra? Posso voltar à rotina de treino na mesma intensidade? Como recomeçar?”
O retorno a academia é fundamental para sua saúde e voltar com calma e disciplina é a melhor opção. Mas melhor ainda é não parar o exercício físico, você pode até diminuir a freqüência no período de férias, parar de fazer atividade física não é o melhor caminho. Mas se você deixou de malhar meses, isso não é motivo para não voltar a prática. Claro que não da para voltar na mesma intensidade, mas com alguns ajustes e seguindo as recomendações do seu professor de Educação Física é possível voltar ao ritmo e aos treinos rapidamente. Porém, se você estava malhando forte, a volta deve ser mais rápida, porque seu padrão muscular está registrado no seu organismo. Para voltar no ritmo de antes, demora-se, geralmente duas/três semanas.

2. “Engordei x quilos neste ano após o verão. Ainda consigo perder alguma coisa até novembro/dezembro? Quais os exercícios que mais queimam calorias?
Lembrando que exercício físico deve estar aliado a uma alimentação saudável, nada adianta malhar direito e comer errado, o inverso também. Portanto para emagrecer deve-se também procurar um nutricionista e adequar sua dieta de acordo com seu objetivo e necessidade e fazer exercício físico. Atualmente estudos mostram que não é necessário horas intermináveis de exercício físico para queimar mais calorias ou emagrecer mais rápido. É recomendado a prática de exercícios físicos no mínimo de 3 a 5 vezes por semana.
Os exercícios que mais queimam calorias não são necessariamente os que emagrecem. Emagrecer é substituir massa magra por massa gorda (gordura). Por isso é essencial usar frequencímetro, que serve para controlar seu batimento cardíaco e a duração deve ser de acordo seu objetivo: ou ganhar mais condicionamento (intensidade alta 85%) ou queimar gordura (intensidade leve-moderada 70%) variando de 20 a 50 minutos de duração e de intensidade leve, moderada e/ou forte. Uma atividade física com intensidade de leve a moderada é aquela que produz um ligeiro aumento dos batimentos cardíacos e da freqüência respiratória. Atividade intensidade forte é aquela na qual se tem um aumento intenso dos batimentos cardíacos, freqüência respiratória e também da transpiração. O exercício físico ideal para emagrecer deverá ser do tipo aeróbico (caminhar, pedalar ou dançar), com uma intensidade moderada, durante 30 a 45 minutos, três a quatro vezes por semana, aliado ao fortalecimento muscular (musculação). Com relação ao consumo específico de calorias em algumas atividades, mostramos exemplos abaixo: andar de bicicleta (10 quilômetros por hora), consome ao redor de 240 calorias por hora; correr a 15 quilômetros por hora consome 1.280 calorias a cada hora; caminhar a 3,2 quilômetros por hora, ao redor de 240 calorias a cada hora; caminhar a 4,8 quilômetros por hora, 320 calorias a cada hora e caminhar a 7,2 quilômetros por hora, 440 calorias a cada hora.
Seguindo regularmente o treinamento aeróbio, musculação e alimentação adequada você já conseguirá atingir alguns benefícios, tais como ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes, moderar colesterol e além da diminuição da massa gorda e saúde mental.
Agora você não tem mais desculpas para ficar parado.

3. “Não entro em uma academia há anos e este ano resolvi mudar! Em quantos meses consigo ganhar um bom condicionamento físico?”
O exercício físico é um fator cada vez mais presente no estilo moderno das pessoas viverem melhor. Portanto cada vez mais existem freqüentadores em academia procurando melhorar sua saúde e qualidade de vida. O mais importante é se manter ativo e cuidar da sua alimentação. O tempo certo para se ter um bom condicionamento físico depende de cada indivíduo, pois temos que respeitar a individualidade biológica de cada um. Mas em média para adquirir um bom preparo físico, lembrando que a prática deve ser no mínimo 4 vezes por semana, seria 4/6 meses. É preciso dedicação e disciplina.

4. “Malhei o ano inteiro, mas com intensidade mais baixa nos últimos meses e engordei alguns quilinhos como todos os anos. Os exercícios de sempre não fazem mais efeito, como devo proceder para elevar o gasto calórico já que meu corpo já se acostumou?”
O mais importante no treinamento é sua freqüência. E quanto mais você vem pra academia, mais vontade de fazer exercício físico você tem. E mais fácil para seu professor/personal trainer planejar seu treinamento para alcançar seu objetivo quando o aluno mantém uma freqüência/sessão de treinamento semanal. Por isso, sempre repito, diminua o ritmo nas férias, mas não parem de praticar exercício. A intensidade do treino deve ser sempre estimulada e planejada para que o seu organismo não sofra adaptação ao treino, buscamos sempre estímulos diferentes em intensidades diferentes. Isso possibilita seu sistema neuromotor a não adaptar-se a um estímulo e progredir sempre com diferentes formas de estímulos. Em segundo lugar, porque isso é uma maneira preventiva de overtraining e lesões. Saber periodizar o treino é manter-se na intensidade máxima, dentro de padrões aceitáveis pelo corpo. Fique sempre atento com sua disciplina e colabore com sua saúde. Assim torna o treinamento mais eficaz e motivador. Isso ajudará também a evitar quaisquer tipos de lesões, evitará a adaptação pelo corpo e possibilitará o máximo de performance do corpo como um todo, visando ótimos resultados. É extremamente importante e, faz toda diferença.

5. “Estou retomando a academia e tenho medo de fazer musculação pois preciso emagrecer. Estou errada?”
A musculação também emagrece. É fundamental aliar aeróbio e musculação. Emagrecer com saúde não significa perder peso. E sim aumentar a massa magra e diminuir gordura. A musculação faz isso. O melhor a fazer é associar a dieta aos exercícios aeróbios e a musculação. Estudos comprovam que a musculação acelera o metabolismo, favorecendo a queima de gordura pelo organismo. Enfim, tanto a atividade aeróbica quanto a musculação proporcionam a perda de massa gorda. E qual das duas proporciona maior queima? Isto vai depender da intensidade, duração e também da sobrecarga da musculação. Um trabalho de fortalecimento muscular pode ajudar nas suas atividades diárias, melhorar a sua postura, evitar lesões comuns em atividades aeróbias e outros benefícios, além de ajudar na queima de massa gorda.

Mariana Agapito Schaefer
CREF 12184

Conseguimos esclarecer algumas dúvidas? Viram como, em resumo, é uma coisa simples (e é simples!): praticar exercício físico o ano inteiro mantém o corpo ativo, saudável e a mente também. Além da boa relação com a balança…
A questão polêmica da musculação também é outro fator que as pessoas (especialmente mulheres) já estão se adequando mais com os anos, que é: o corpo tendo mais músculos significa metabolismo acelerado = queima maior de calorias e menos gordura corporal (mesmo parado e o ano inteiro!). Muitas mulheres que só pensam em perder peso não praticam musculação e não entendem porque não emagrecem ou engordam muito rápido depois.
Vamos entender, de uma vez por todas, que emagrecer não é perder quilos na balança e sim trocar a gordura por massa magra, e quanto mais massa magra, mais fácil e rápido é para perder quilos quando desejado. Não existe milagre e cair nessas armadilhas pré-verão é o que tem de mais ilusório e que só traz felicidade a curto prazo – quando traz.
É difícil, eu sei, e também sofro deste mal… Mas é muito mais fácil e prazeroso ter esta harmonia física e com a balança o ano todo, até mesmo porque a idade vai chegando e a gente começa a notar que não é mais tão fácil assim emagrecer e enrijecer, né?! Hehehe…
Bom, vamos à luta e boa sorte para todos nós! 😉

F.Scherer Fitness
Beiramar Shopping
Tel.: 48 3222-9121